sábado, 4 de julho de 2009

Filhos da Pauta Livre 14

video

Mais um Filhos da Pauta Livre no ar!
Dessa vez novamente gravado nos estúdios da uniban, o programa tráz as tradicionais pitadas da semana, como dose de humor e diversão. Além disso, essa semana temos uma entrevista mais do que especial com o professor Jorge Serrão, que fala de pontos como o Brasil e sua política.

Não deixe de ouvir e comentar o programa. Para maiores informações sobre o professor e o conteúdo do seu blog citado, acesse www.alertatotal.net

12 comentários:

Anônimo disse...

Meio sem sal e sem açúcar!!!
Vocês são muito mais que isso.
Abraços

Anônimo disse...

Olá galera, meu o que está acontecendo! o programa está muito morto, vc,s estão muito desanimados, o locutor oficial está fazendo muita falta, isso não deveria acontecer.
um abraço.

Anônimo disse...

zuado,zuado, sem graça. pior que o outro

Raphael disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Raphael disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

A Sra. Janet Burgermeister, uma repórter investigativa da Áustria, requerendo uma denúncia criminal com o FBI contra Obama, Napolitano, Sibelius, os Rockefeeler, a Organização Mundial de Saúde, a ONU, e etc, e responsabilizando-os com plano de assassinar milhões de Americanos com "vacina mortal de gripe suina"? Ela processou um dossier de 107 páginas denunciando que Baxter, uma companhia de drogas com um laboratório em Illinois e Áustria, enviou vacinas à República Tcheca. Por sorte alguém lá testou-a e encontrou que ela tinha vírus vivos dentro. Então uma outra carga de vacinas explodiu num trem na Suíça. Claro que há mais para isso que isto, mas ao menos com isso, nós sabemos a conspiração que ela denuncia que está ocorrendo é multinacional (o golpe da vacina é mundial). Milhões serão assassinados com vacinações forçadas. Tão bobo quanto isso soa, isso se amarra com todas as reportagens e rumores que têm sido propagados.

Aqui estão alguns dos exemplos de "idéias". 1. Que "eles" esperam uma outra epidemia de gripe suÍna no outono e estão preparando a vacina. 2. O governo pode ter que estabelecer lei marcial se isso acontecer. 3. Obama tem o que ele chama de uma "organização de força de lei civil" sendo treinada (para a lei marcial?). 4. As tropas das Nações Unidas foram reportadas sendo treinadas nos Estados Unidos para emergências tais como um outro Katrina (tropas da ONU para as nossas emergências?). 5. Os campos de concentração da FEMA têm supostamente sido preparados. 6. Larry Grathwohl , o informante FBI sobre o grupo terrorista simpatizante de Barack Obama testemunhou que quando ele perguntou a Ayers (terrorista assassino alocado como professor na Universidade de Chicago - USP americana - e responsável pelo lançamento de Obama à política) e seu co-terrorista o que eles estavam indo fazer com estes que não cooperariam quando a Revolução tornasse a ter sucesso, ele respondeu: "Nós teremos que simplesmente matar uns 25 MILHÕES de PESSOAS que não quiserem ser 'reeducadas'."

Pessoal, isso parece para mim como a Revolução tem tido sucesso. Nós melhor daríamos estas tentativas com a advogada Dra. Orly Taitz o melhor que nós pudéssemos!

Como antecipado na data de lançamento de Julho pelas aproximações da vacina pandêmica A/H1N1, uma jornalista investigativa Austríaca está alertando o mundo esse maior crime na história da humanidade está a caminho.

Jane (Janet) Burgermeister tem recentemente registrado culpas criminais com o FBI contra a Organização Mundial de Saúde, as Nações Unidas (ONU), e vários dos mais altos oficiais corporativos considerando bioterrorismo e tentativas de cometimento de assassinato em massa. Ela também tem preparado uma injunção contra a vacinação forçada cuja está sendo registrada na América. Estas ações seguem suas solicitações de culpa arquivadas em Abril contra a Baxter AG, e Avir Green Hills Biotechnology da Áustria por produzir vacina contaminada com virus da gripe do frango ou das aves, alegando que isto foi um ato deliberado para causar e lucrar sobre uma pandemia.

Nas resposabilidades alegadas por ela, Burgermeister apresenta evidências de atos de bioterrorismo que é em violação da lei dos Estados Unidos por um grupo operando de dentro dos Estados Unidos sob a direção de banqueiros internacionais que controlam o Federal Reserve, bem como a WHO (Organização Mundial de Saúde), a ONU, e a OTAN. Este bioterrorismo é para o propósito de levar ou conduzir um genocídio em massa contra a população dos Estadus Unidos pelo uso de uma vírus pandêmico de gripe geneticamente modificado com a intenção de causar morte. Este grupo tem anexado altos cargos governamentais nos Estados Unidos (A LÍNGUA!: pelas mãos de George Soros e Barack Obama, o terrorista Queniano - busque no buscador acima pelas matérias ilustradas entituladas de OBAMA CRIMES)........

http://alingua.blogspot.com/2009/07/extra-extra-os-dissiminadores-da-gripe.html

Anônimo disse...

Atendendo a pedidos do Serrão, venho aqui mostrar umas coisitas sérias:

O mundo segundo a Monsanto
A diretora francesa Maria-Monique Robin baseou seu filme - e um livro de mesmo título - na empresa com sede em Saint-Louis (Missouri, EUA), que, em mais de um século de existência, foi fabricante do PCB (piraleno), o agente laranja usado como herbicida na guerra do Vietnã e de hormônios de aumento da produção do leite proibidos na Europa.
O documentário destaca os perigos do crescimento exponencial das plantações de transgênicos que em 2007, cobriam 100 milhões de hectares com propriedades genéticas patenteadas em 90% pela Monsanto.
A pesquisa durou três anos e a levou aos Estados Unidos e a países como Brasil, índia, Paraguai e México, comparando as virtudes proclamadass dos OGM com a realidade de camponeses mergulhados pelas dívidas com a multinacional, de moradores das imediações das plantações, pessoas que sofrem com problemas de saúde ou de variedades originais de grãos ameaçadas pelas espécies transgênicas.
Robin relatou em entrevistas divulgadas pela produção do filme que tentou em vão obter respostas da Monsanto para todas essas interrogações, mas que a companhia decidiu "não avaliar" seu documentário.

Download do documentário: Em torrent e com legenda em Pt-Br
http://www.easy-share.com/1903722142


O Futuro dos Alimentos
Existe uma revolução a acontecer nos campos e nas mesas de refeição - uma revolução que está a transformar a natureza da comida que comemos.
O documentário "The Future Of Food" apresenta uma investigação profunda à verdade perturbadora dos alimentos manipulados geneticamente, não etiquetados e patenteados,
que, aos poucos, vão conquistando lugar nos nossos mercados.Desde as pradarias de Saskatchewan, Canadá, aos campos de Oaxaca, no México,
este filme dá a voz aos agricultores que foram afetados por estas mudanças. Os perigos para a saúde, as políticas governamentais e os
lobbies globais são algumas das razões porque muitas pessoas estão alarmadas pela introdução de alimentos alterados geneticamente.
Filmado nos Estados Unidos, Canadá e México, "The Future Of Food" analisa a complexa malha de forças políticas e
econômicas que estão a alterar o que comemos à medida que enormes multinacionais procuram controlar o sistema alimentar mundial. O filme
também explora as alternativas para a agricultura industrial, colocando a agricultura biológica e sustentável como soluções reais
para a crise agrícola atual.
"Um excelente documentário sobre os perigos que os organismos geneticamente modificados representam (OGM's), tanto a nível ambiental, como de saúde, econômico e social. O controle absoluto, a corrupção, manipulação e destruição dos mercados alimentares por parte das indústrias de biotecnologia, com conseqüências desastrosas para as sociedades do mundo e todo o ambiente no planeta."

Download do documentário: Em torrent e com legenda em Pt-Br
http://www.easy-share.com/1903722207

Zé Povão

Anônimo disse...

Talvez, todos já tenham ouvido falar de uma organização chamada Diálogo Interamericano. O Diálogo foi fundado em 1982, depois da Guerra das Malvinas, como um centro de planejamento estratégico e propaganda política da oligarquia anglo-americana para o Hemisfério Ocidental. Ele reúne cerca de 100 personalidades políticas, acadêmicas, da mídia e de outros setores relevantes, de quase todos os países americanos, inclusive do Brasil.

Eles se reúnem anualmente, para discutir uma agenda de "interesses comuns" aos países do Hemisfério, que, posteriormente, não por coincidência, se transformam em políticas de Governo nos países dos membros do Diálogo. Entre outras: a política neoliberal de abertura econômica desenfreada; a defesa da legalização do uso das drogas entorpecentes; a politização dos problemas do meio ambiente; e a desestabilização das Forças Armadas ibero-americanas, sob o pretexto da sua subordinação ao poder civil.

Entre os membros do Diálogo, encontramos vários personagens que foram ou são chefes de Estado ou candidatos a chefes de Estado. Entre eles, destacamos: Raúl Alfonsín, da Argentina; Julio Sanguinetti, do Uruguai; Gonzalo Sanchez de Lozada, da Bolívia; e o nosso Fernando Henrique Cardoso.

Aliás, Fernando Henrique é membro fundador, levado ao Diálogo por Peter Bell, que é diretor do grupo desde a fundação. Não por coincidência, Peter Bell era o representante da Fundação Ford no Brasil quando a Fundação financiou a criação do CEBRAP. Segundo o falecido professor Florestan Fernandes, foram 700.000 dólares - o que, em 1969, era um bocado de dinheiro.

Entre os membros brasileiros do Diálogo Interamericano, encontramos outras figuras conhecidas, como o Sr. Luiz Inácio Lula da Silva, que está lá desde 1990, e o Sr. Ciro Gomes, que lá esteve entre 1994 e 1998.

Então, temos um quadro interessante no qual, nas últimas eleições presidenciais brasileiras, os três candidatos mais votados eram membros do Diálogo Interamericano. Ou seja, as oligarquias fizeram aqui um jogo triplo, para garantir os seus interesses por todas as pontas. Como vêem, assim caminha a Humanidade...."

E continua
http://www.umanovaera.com/conspiracoes/geraldo_luis_lino.htm

Zé Povão

Anônimo disse...

Fatos da História para quem esqueceu, ou nunca soube:

Em 1929, a União Soviética desarmou a população ordeira. De 1929 a 1953, cerca de 20 milhões de dissidentes, impossibilitados de se defenderem, foram caçados e exterminados.

Em 1911, a Turquia desarmou a população ordeira. De 1915 a 1917, um milhão e meio de armênios, impossibilitados de se defenderem, foram caçados e exterminados.

Em 1938, a Alemanha desarmou a população ordeira. De 1939 a 1945, 13 milhões de judeus e outros "não arianos", impossibilitados de se defenderem, foram caçados e exterminados.

Em 1935, a China desarmou a população ordeira. De 1948 a 1952, 20 milhões de dissidentes políticos, impossibilitados de se defenderem, foram caçados e exterminados.

Em 1964, a Guatemala desarmou a população ordeira. De 1964 a 1981, 100.000 índios maias, impossibilitados de se defenderem, foram caçados e exterminados.

Em 1970, Uganda desarmou a população ordeira. De 1971 a 1979, 300.000 cristãos, impossibilitados de se defenderem, foram caçados e exterminados.

Em 1956, o Camboja desarmou a população ordeira. De 1975 a 1977, um milhão de pessoas "instruídas", impossibilitados de se defenderem, foram caçados e exterminados.


Zé Povão

Anônimo disse...

O cubano Canek Sanches, nascido em 1974, desenhista e compositor, que nada mais é do que o neto de Che Guevara, vive na Europa desde que seus pais para aqui vieram quando ele tinha dois anos.

Na adolescência, Canek retornou a Cuba para sentir o que representava ser neto de Che Guevara. Aliás, só pelo forte parentesco com Che é que ganhou o raro direito (privilégio) de entrar e sair da Ilha quando quisesse.

Chegando à Ilha os professores lhe perguntaram várias vezes: - Crês que se teu avô, um herói, te visse, ficaria orgulhoso de ti? Após alguns dias observando o que acontecia em Cuba, Canek respondeu: não creio. E emendou: - Não posso viver sob um governo que te diz o que tens que fazer, o que tens que comer, o que tens que pensar. O fato de viver na Europa me fez ver o regime com outros olhos, completou Canek, o neto de Che Guevara.

Agora vejam esta: Canek, junto com o repórter e ex-guerrilheiro do Exército Revolucionário do Povo de Cuba, Jorge Masetti, estão preparando um livro sobre o uso e abuso do guevarismo. Enquanto isto fazem palestras na Europa com o seguinte tema: Cuba, da Revolução ao Totalitarismo.. Acreditem. É a pura verdade.

Como há vários viúvos e viúvas de Che vivendo no Brasil, carregando orgulhosamente a sua estampa de rosto nas camisas e bandeiras, creio que ficarão revoltados com este artigo. Portanto, antes de me xingarem tratem de insultar Canek Sanches, o neto do homem. Que tal? Se ainda fosse possível, Che diria: Até tu, Canek, meu neto?

Gilberto Simões Pires


DE ONDE VEM O DINHEIRO?
COMO SURGE O ENDIVIDAMENTO?
COMO OS BANCOS NOS ROUBAM?
PORQUE COBRAM JUROS SEM MOTIVO?
PORQUE DIZEMOS QUE O DINHEIRO CONTROLA O MUNDO?

Essas e outras perguntas tu encontras no sítio:

http://www.olibertario.org/2008/11/qual-o-preco-do-dinheiro-federal.html


The Obama Deception é um filme feroz que destrói totalmente o mito de que Barack Obama trabalhará em prol dos melhores interesses do povo americano. O fenômeno Obama é um boato cuidadosamente construído pelos capitães da Nova Ordem Mundial. Ele está sendo posto como o salvador numa tentativa de lograr o povo americano a aceitar a escravidão global. Estamos numa conjuntura crítica nos planos da Nova Ordem Mundial. Apenas expondo o embuste é que podemos salvar a liberdade nos EUA.
As Mentiras de Obama não é sobre Esquerda ou Direita: é sobre o Governo Mundial. Os banco internacionais planejam roubar o povo dos Estados Unidos e torná-los escravos de uma Plantation Mundial.
Tópicos do filme: para quem Obama trabalha, que mentiras contou, seus reais planos e como suas nomeações e atitudes iniciais provam que ele serve à oligarquia corporativa, não o povo americano. Se você quer saber os fatos e passar por cima de toda a propaganda, este filme é para você.

Dvdrip
Dados
697 MB
Duração: 111 minutos
Idioma: inglês
Legendas: Pt-Br
Torrent
Download do documentário: Em torrent e com legenda em Pt-Br
http://www.easy-share.com/1904088184


A Verdadeira História do Clube BILDERBERG de Daniel Estulin

Durante os últimos cinqüenta anos, um grupo seleto de políticos, empresários, banqueiros e poderosos em geral tem se reunido secretamente para tomar as grandes decisões que movem o mundo. Se você quer saber quem aciona os controles por detrás da fachada das organizações internacionais conhecidas, não tenha dúvidas: leia este livro. Após treze anos de investigação, o autor conseguiu compor uma lista de participantes do lobby formado pelos homens mais ricos,
poderosos e influentes do Ocidente, que se reúnem secretamente todo ano para lançar as estratégias de dominação no mundo. Ganhador do prêmio The Kingston Eye Opener de melhor livro estrangeiro de não ficção.

Endereço p/baixar:

http://www.4shared.com/file/73524807/5fcf006e/Daniel_Estulin_-A_Verdadeira_Historia_do_Clube_BILDERBERG__doc__rev_.html

Zé Povão

Anônimo disse...

Daniel Dantas sabe de muita coisa de Lula e do filho do Lula por isso é tão importante para a esquerda demoniza-lo.
Enquanto todos falam de DD (que virou o refúgio moral de todo esquerdista que deseja "ética" em tudo: agora é só falar que você não gosta do DD que tudo é permitido) o filho de Lula, que era apenas um modesto monitor de zoológico até uns anos atrás, já é um dos homens mais ricos do país.
E detalhe: não pode sequer tocar no nome dele. Nem a polícia federal nem a imprensa. Ninguém pode falar de Lulinha. Ninguém pode fazer a ligação óbvia entre Lulinha a DD.
A coisa é tão escrota e canalha que Lulinha, apesar de ser um dos donos da OI e ter investimentos maciços até mesmo em canais de televisão, não aparece sequer na lista dos homens mais ricos do Brasil. É como se ele não existisse.
Nesse sentido, Daniel Dantas funcionou como o fusível que queima para proteger o aparelho principal: Lulinha.
É claro que Daniel Dantas, a Polícia Federal e a ABIN sabem disso. É claro que esse juiz de araque, Fausto de Sanctis, sabe disse. O próprio delegado Protógenes Queiros afirmou à CPI que a tal operação Satiagraha foi encomendada pelo presidente em pessoa porque, segundo o mesmo, o filho do presidente (Lulinha) havia sido "cooptado pela organização criminosa de Daniel Dantas".
É como se o delegado Protógenes quisesse fazer crer ao resto da população que Lulinha era puro e inocente e Daniel Dantas foi uma espécie de "diabão" que andava por ai solto e o corrompeu seduzindo-o ao "lado negro da força".
Se o presidente da República, em pessoa, encomenda uma operação à Polícia Federal para esconder o nome do seu filho usando um "bode espiatório" que é queimado diuturnamente na mídia como o "grande vilão da nação", podem ter certeza que isso só acontece porque imprensa (a imprensa amiga do proto ditador) e estado atuaram juntos para esconder o nome do filho do presidente de qualquer investigação.
Podem ter certeza: essa gente da esquerda, do PT, quando apontam algum criminoso, quando apontam um crime, isso só é feito para esconder os crimes que eles mesmos estão praticando ou para queimar um "fusível" e proteger assim algum companheiro mais importante dos olhares destraídos do resto da população.
Ninguém é mais criminoso ou comete mais crimes do que eles porque eles não debocham da noção de crime: para eles essa idéia de "crime" é um conceito burguês e atrofiante. Antes de tudo vem a causa e a revolução.
Incrível que agora usar o nome de Daniel Dantas virou subterfúgio moral inclusive para caçar liberdades e direitos fundamentais.
Se o STF solta Daniel Dantas, ai o problema não é que o STF está aparelhado pelos comunistas (até mesmo porque já está aparelhado há muito tempo): é o STF quem precisa acabar. Ou, precisamos de "um novo STF", mais comunista do que já está.
Se a lei protege de alguma forma Daniel Dantas, então às favas com a lei: precisamos do justiçamento petralha para mandar à cadeia quem eles devem achar que deve ir para a cadeia.E com certeza não será só Daniel Dantas.

Zé Povão

Anônimo disse...

Ou seja: precisamos da proteção dos comunistas para nos proteger deles mesmos.

Revolucionários não trabalham sem dinheiro. De onde vem o dinheiro que manteve a União Soviética funcionando por tantos anos se era uma economia falida desde a revolução russa? Não adianta falar em "conspiração da KGB" se as pessoas não entendem que a própria União Soviética era sustentada com dinheiro americano. Dinheiro de banqueiros maçons e sionistas. Se vocês querem saber quem são os revolucionários, sigam o dinheiro.
Se vocês seguirem o dinheiro vão inevitavelmente chegar a um nome em específico: Rothschild, a lendária família bancária sionista da Alemanha e que hoje possui a sua central operacional na Inglaterra.
Rothschild no Brasil:

- Rothschild Brasil financia Independência do Brasil em 1824 (na verdade tornamo-nos devedores do dinheiro dos banqueiros sionistas)

- Rothschild Brasil financia todos os títulos brasileiros de 1824 a 1930;

- Rothschild Brasil financia a construção da Ponte Rio-Niterói;

- Rothschild Brasil abre escritório de representação no país em 1976;

- Criada uma subsidiária operacional em conjunto com um parceiro local em 1989;

- O Rothschild é líder em privatização e fusões & aquisições no Brasil. Desde os primeiros dias da história independente do país, o Rothschild tem apoiado o governo Brasileiro e a comunidade empresarial (o governo FHC foi na verdade uma ótima oportunidade de investimento para os Rothschild e fundos coligados).

Alguma vez vocês viram algum socialista empunhando a bandeira de luta contra os banqueiros sionistas? Óbvio que não: eles funcionam com o dinheiro deles.
O dinheiro dos comunistas vieram do crime organizado e da pilhagem que eles fizeram nos países satélites, fora o apoio sim de ocidentais.

O crime organizado, sozinho, não seria capaz de sustentar a segunda maior máquina de guerra do mundo por mais de quarenta anos e fazer com que essa potência nuclear financiasse outros países comunistas mundo afora, além de espalhar revoluções pela África.
Para isso é necessária grana que somente bancos e mega-capitalistas podem fornecer.

Zé Povão

Leitores Online

  ©Template by Dicas Blogger.